arte
arte

PELA PRIMEIRA VEZ, VEGAS CLUB APRESENTA ESPETÁCULO TEATRAL

Por Cartaz Comunicação
Fotos Divulgação

Pornô - Falcatrua N.º 18.633, fica em cartaz até 31 de março

A partir de 9 de fevereiro, o Vegas Club cede espaço ao teatro, sempre às terças e quartas-feiras, às 21h. Inédita e dirigida por Gustavo Machado, a peça Pornô – Falcatrua Nº 18.633, de Irvine Welsh e dramaturgia de Eduardo Ruiz, apresenta o reencontro dos mesmos amigos personagens do filme “Trainspotting” (1996).

Com a proposta de sair do teatro, as atrizes e produtoras Ana Liz e Ana Nero, encontraram no Vegas Club o espaço ideal para apresentar a trama, que se passa em mesa de bar, com drinks, música e o perfume da noite. O público que prestigiar o espetáculo, ainda tem direito a curtir a festa que o clube apresentar na sequência.

Na trama, o personagem Sicky Boy, ao retornar a sua cidade natal – dez anos depois –, arquiteta falcatruas e se envolve na produção de um filme pornográfico. Subvertendo valores, a turma de amigos que marcou época no cinema com o filme “Trainspotting” está junta novamente.

Irvine Welsh é um autor sem piedade. Usa com maestria o choque, a violência e a banalização do sexo como arma poderosa de críticas. Quando trouxe ao cinema, com Trainspotting dirigido por Danny Boyle, uma geração buscando algo nas drogas, retratou uma modernidade que, mesmo dispondo de tantas opções, beira o vazio.

A ironia também é um método muito utilizado por ele. O tempo cura tudo! Será? Dez anos depois os mesmos personagens se reencontram. Mas os caracteres ainda estão trôpegos, a cidade de suas infâncias ainda está sufocada, os valores do avesso.

As drogas continuam ali, mas agora como assassina de sonhos e não mãe deles. E como filhos de uma sociedade, que elege celebridades como pequenos deuses, eles também precisam ser “alguém”. Escolhem como chave para abrir o mundo do dito sucesso uma ferramenta intrigante: o cinema. O filme que estão produzindo: pornografia. E é esse tipo de falta de piedade que faz da crítica de Irvine Welsh em “Pornô”, algo mais excitante que o próprio sexo.

Ficha técnica
Autor: Irvine Welsh
Adaptação: Eduardo Ruiz
Direção: Gustavo Machado
Figurino: Nana Calazans
Foto: Ike Levy
Design gráfico: Estúdio Colletivo de Design
Luz: Alessandra Domingues
Trilha Sonora: Zema e Fábio Ock
Direção de Produção: Ana Liz e Ana Nero
Produção Executiva: Fernanda Gomes
Elenco: Ana Liz, Ana Nero, Fábio Ock, Fernando Fecchio, Pablo Sgarbi, Ravel Cabral, Sergio Guizé e Sofia Botelho

Vegas Club
Rua Augusta 765
11 3231-3705

Terças e quartas-feiras, a partir das 21h, com abertura da casa às 20h (as pessoas que assistirem ao espetáculo poderão continuar no clube sem custo adicional)

Duração do espetáculo: 1h40

Preço: R$ 40,00 inteira/ R$ 20,00 meia-entrada

 
 
imprimir