entrevista
Pedro Caldas


ENTREVISTA: PEDRO CALDAS
Club Privée esquenta noites paulistanas em grande estilo
Por Leandro Sampaio
Foto Teca Araújo

O empresário Pedro Caldas teve a idéia de reunir os amigos e pessoas especiais em uma grande festa no próximo dia 19 de setembro. Até aí nada demais. A diferença é que a tal festa será realizada no máximo três vezes por ano, sempre em lugares diferentes, e com tudo para ser um dos eventos mais comentados da cidade. Nesta entrevista à Unit Magazine, Caldas conta como será esta experiência.

Você está com um super projeto, que é abrir um Club Privée aqui em São Paulo. Como surgiu esta ideia?
Tudo começou com uma necessidade minha e dos meus amigos. Era sempre muito difícil encontrar todo mundo no mesmo lugar, cada um tem seus compromissos e com a variedade de baladas na cidade ficava complicado conciliar os gostos de todos. Foi aí, que começamos a organizar festas entre nós mesmos em nossas casas no mínimo uma vez no semestre. A cada festa apareciam mais amigos de amigos, até que percebemos que essa não era uma necessidade só nossa, e nossas casas também já não estavam mais comportando o número de pessoas. O Clube Privée nasceu exatamente para suprir essa lacuna, quero que todos tenham a oportunidade de reencontrar pessoas, descobrir amigos em comum, conhecer muita gente e ter certeza de que isso vai rolar todo ano, e assim como eu ficar sempre na expectativa para a próxima!

Qual é a idéia central da festa?
Reunir ciclos de amizades em comum, que normalmente estariam espalhados pela noite paulistana em diferentes baladas, em um único lugar. É a certeza de que três vezes por ano, todo mundo irá se encontrar em uma festa bem clima ''lá em casa'' com os melhores djs da cidade com excelentes bebidas em um espaço incrível, sempre bem selecionado.

As festas irão acontecer sempre no mesmo lugar? Você já tem o local
certo para esta primeira edição?

Não, pretendemos trazer sempre mais novidades para o nosso público. A festa se renova a cada edição, e não é só na localização. O line-up, a bebida e a decoração vão de acordo com a proposta da vez. Lógico, que sempre mantendo a raiz da festa, que é a vontade de dar ao seu público o que existe de melhor. A primeira festa vai acontecer dia 19 de setembro e a idéia principal é fazermos uma inauguração. A casa foi pesquisada e escolhida com muito bom gosto e glamour. Uma mansão da década de 60
com muito espaço para todos os convidados terem um conforto especial e se sentirem em um ambiente familiar.

Qual é o público alvo da festa?
Pessoas descoladas que gostam de curtir festas e lugares especiais. O privée é isto: festas para pessoas especiais que realmente gostam de curtir o que há de melhor na cidade em todos os sentidos. Quero dar ao meu público o que há de mais especial na
noite paulistana e sempre com preço justo. Penso que hoje em dia as casas noturnas estão cada vez mais com preços exorbitantes.

Serão vendidos convites ou somente convidados podem participar?
Uma mistura de convidados, mas com venda. Foi feito um mailing especial pelos nossos staffs e mesmo com a venda o acesso não é livre. Existe uma segurança para garantir o conforto de todos os convidados. A festa não é feita para ter mil convidados e sim 400. Ou seja, poucos, raros e especiais. Diria que esse é o slogan do Privée.

Qual será a periodicidade das festas?
A festas vão ser "surpresas", sempre com uma rotatividade de lugares. Não serão com datas marcadas e não existe uma rotina de festas, elas são feitas com apenas uma característica repetida que é a qualidade. Mas em primeira mão para vocês posso garantir que a próxima festa está chegando e vai ser de arrepiar para todos nós começarmos o próximo ano com pé direito. Estamos montando um projeto com queima de fogos em uma cobertura no mês de dezembro. Aguardem!

 
 
imprimir