cinema
health

AS PRINCIPAIS CAUSAS DA QUEDA DE CABELO

Por Unit Team
Fotos Divulgação

Os cabelos são constituídos de uma proteína chamada queratina. São produzidos pelo próprio corpo e seguem um ciclo de crescimento, repouso e queda. A queda dos cabelos é um processo natural de reposição de fios. Um indivíduo normal e saudável perde, por dia, cerca de 50 a 100 fios. Cada fio de cabelo cresce no couro cabeludo e mantém seu processo de crescimento entre dois a quatro meses. Depois, o crescimento para por mais dois a quatro meses. Logo após essa fase, o cabelo cai e outro fio começa a crescer em seu lugar.

health

Esse processo é comum para qualquer pessoa, por isso é bom lembrar que, nesse caso, a queda não representa nenhum problema, fazendo parte do ciclo de reposição dos fios.
Se a queda dos cabelos ultrapassar essa base diária é necessário descobrir as causas para que sejam encontradas soluções para o problema. São muitos os fatores que podem acarretar a queda de cabelos. Uma dessas causas é maus tratos aos cabelos. Fios constantemente apertados por rabos de cavalo, fivelas e outros prendedores de cabelo, tratamentos químicos inadequados, como permanentes e tinturas, também causam queda anormal dos fios. Em alguns casos, essa queda é irreversível. Doenças muito graves ou grandes cirurgias podem causar a queda dos cabelos três a quatro meses após terem acontecido. Essa queda, porém, é temporária, sendo ela um reflexo do estresse pelo qual o organismo da pessoa passou. Algumas mulheres também sofrem da queda de cabelo três ou quatro meses depois da gravidez.
Problemas hormonais, glândula tireoide ou alteração nas taxas de hormônios masculinos ou femininos também podem causar a queda de cabelos. Nesses casos, o tratamento dos problemas pode cessar ou, até mesmo, reverter o problema. Medicamentos em excesso, como os da quimioterapia, pílulas, anticoncepcionais, antidepressivos e vitamina A também podem causar a queda. Existem muitos outros fatores que acarretam a queda de cabelos, mas o mais importante é diagnosticá-los primeiro para poder iniciar um tratamento adequado.

Fonte: www.mundodastribos.com 

 
 
 
imprimir